Quais as consequências de ficar com o nome no Serasa? Como converter

Pessoas perdem emprego todos os dias, ficam sem dinheiro, as contas começam a aparecer e bate o desespero. Nem sempre o desempregado consegue negociar as dívidas direto com as empresas, devido não estarem ainda empregados.

Isso acaba dificultando o não pagamento. A empresa credora acaba enviando para o cadastro de inadimplentes no qual chamamos de SERASA.

O serasa é o famoso “Bicho Papão” do consumidor, pois estando o nome nesse cadastro, dificulta o crédito, ou seja, não consegue liberação de cartões de crédito, empréstimos, ou qualquer outro produto que precise do CPF.

Pois fica totalmente restrito ao mercado e o Score baixo.

Consequências de ter o nome sujo na Serasa

Dificultando créditos, em lojas, bancos ou qualquer tipo de comércio. Onde vem a frustração e a vergonha de ter o nome negado. O banco onde possui conta, você perde seu cheque especial, limite da conta, e até mesmo o cartão de crédito que havia solicitado.

Hoje, sem estar com o nome limpo, créditos são praticamente inexistente.

A famosa pergunta: Em 5 anos a dívida desaparece?

A dívida não desaparece, o nome apenas sai do cadastro do serasa, mas continua aparecendo ativa ao credor.

Por isso, não espere para negociar e quitar sua dívida, você só ganhará, seu nome volta a ficar limpo e o seu Score começa a aumentar e com certeza aos poucos volta a ter crédito no mercado.

Esses bancos de dados promovem um amplo interesse de suas informações, o que aumenta o número de empresas que podem consultar a base de dados disponível, atingindo ainda mais a atividade econômica dos consumidores que tenham restrições de crédito.

Para você saber como está o seu nome, ou onde está sendo cobrado, entre no site do Serasa e faça uma consulta.

Assim fica mais rápido e fácil de você estar negociando sua dívida.

Pode até estar  conseguindo um bom desconto com o pagamento à vista.

Tudo é negociável quando existe o interesse na quitação, e poder voltar a ter o  nome limpo que é o nosso bem maior…

 

Em caso de dúvidas, deixe seu recado em nosso site, que responderemos em breve.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *